Fechar

Entretenimento

Vote para ajudar

Músico maringaense é finalista em festival nacional

Publicado por Redação GMC Online, 10:41 - 16 de Setembro de 2018

Bloco de Imagem

Paulo Romao Zorba tem 28 anos, é músico desde os 12 e graduando da UEM. Foto: Divulgação

O maringaense Paulo Romão Zorba está entre os dez finalistas do Samsung E-Festival Instrumental, iniciativa que visa revelar e alavancar a carreira de artistas nacionais.


O vencedor será decidido por votação popular que deve ser feita pelo site do festival, sendo necessário apenas informar nome completo e endereço de e-mail.


Não há limites de votos por pessoa durante o período de votação que segue até as 23h59 de 30 de setembro.


O mais votado se apresentará nos shows de encerramento do Samsung E-Festival Instrumental que acontecem em Porto Alegre e São Paulo, nos dias 10 e 25 de novembro, respectivamente.


Também integram a premiação, a gravação de um single em estúdio com toda a divulgação nacional com valor de R$ 30 mil. O vencedor será conhecido no dia 1º de outubro.


Paulo Romao Zorba tem 28 anos, é músico desde os 12, e graduando em composição e regência pela Universidade Estadual de Maringá (UEM). Apesar de atuar como músico de apoio, produtor e arranjador em outros projetos, sua prioridade é o canto e guitarra instrumental. Zorba também está nas finais do “Guitar Idol” - maior concurso de guitarra do mundo.


“Recebi com surpresa a ligação de que era finalista, já sendo uma grande vitória estar entre os 10 do país. Estava desacreditado com a música profissionalmente, a ponto de parar, mas o concurso me motivou a continuar”, lembra o músico.


Além do maringaense, estão entre os finalistas André Nieri e Trio (Mogi Mirim/SP), Brazu Quintê (Tatuí/SP), Joziel Konrad (Rio de Janeiro/RJ), Mazin Silva (Blumenau/SC), Balaio de Sons (Porto Alegre/RS), Garagem Erudita (São Vicente/SP), A Engrenagem (Brasília/DF), Cosmos (São Paulo/SP) e Emílio Martins (São Paulo/SP).


Com assessoria de imprensa

Compartilhe

Seja o primeiro a comentar sobre isso

* Os comentários são de responsibilidade exclusiva de seus autores e não representam a opinião deste site. Se achar algo que viole os termos do uso, denuncie. Leia as perguntas mais frequentes para saber o que é impróprio ou ilegal.

voltar ao topo