Fechar

Entretenimento

Vídeo

Spike Lee dirige clipe da banda The Killers que critica muro de Trump

Publicado por Folhapress, 14:58 - 15 de Janeiro de 2019

Bloco de Imagem

Foto: Divulgação

A banda The Killers lançou na noite desta segunda (14) o clipe de sua nova música, "Land of The Free". O vídeo, um curta documental que tem direção do cineasta Spike Lee, acompanha a movimentação de migrantes hispânicos e seus embates com a polícia anti-imigração na fronteira do México com os Estados Unidos.


Há ali uma clara crítica ao muro que Donald Trump quer construir na divisa entre os dois países e que é motivo de uma queda de braço com os Democratas. 


O diretor, que concorre na temporada de premiações com o politizado "Infiltrado na Klan", é um notório opositor do presidente republicano, a quem ele nunca chama pelo nome e a quem prefere se referir como "filho da puta".


Engajada, a canção dos Killers faz menção explícita à crise migratória e à controversa forma como Trump pretende abordar a questão.


Dizem os versos: "Na fronteira/ Vão erguer um muro/ Com vigas de aço e concreto/ Alto o suficiente para manter aquelas mãos imundas longe das nossas esperanças e dos nossos sonhos/ Pessoas que só querem o mesmo que nós".


Spike Lee passou algumas semanas no fim do ano passado acompanhando famílias de imigrantes nos acampamentos próximos à fronteira. Há cenas de crianças brincando com "piñatas", de sujeitos lendo a Bíblia e, sobretudo, de confrontos com os agentes de segurança do lado americano da divisa.


Expressão que dá título à música, "land of the free" (algo como "terra dos homens livres" ou "terra da liberdade") é um epíteto comum aos Estados Unidos.


Em uma rede social, o vocalista Brandon Flowers disse que vê a si e a sua família nos "rostos dessas pessoas vulneráveis". "Não faz muito tempo que minha avó e sua família migraram da Lituânia para escapar da opressão nos Estados Unidos."


A canção é o primeiro trabalho inédito da banda The Killers desde 2017, quando o grupo lançou o álbum "Wonderful, Wonderful".


O muro que Trump quer construir na fronteira com o México, para o qual exige uma soma de US$ 5,7 bilhões e que os adversários se recusam a liberar, provocou uma paralisação nos serviços do governo federal americano que já dura mais de 20 dias.


Assista ao clipe na íntegra:


 

Compartilhe

Seja o primeiro a comentar sobre isso

* Os comentários são de responsibilidade exclusiva de seus autores e não representam a opinião deste site. Se achar algo que viole os termos do uso, denuncie. Leia as perguntas mais frequentes para saber o que é impróprio ou ilegal.

voltar ao topo