Fechar

Gastronomia

petisco

Torresmo de rolo vira tendência em Maringá

Publicado por Nailena Faian, 13:55 - 29 de Novembro de 2019

Bloco de Imagem

Foto: Reprodução/Facebook/Martins Lanchonete

O maringaense é fã de torresmo. O aperitivo não falta em bares, lanchonetes e açougues. E agora surgiu uma novidade que está virando tendência na cidade: é o torresmo de rolo, já ouviu falar?


É tipo um rocambole de torresmo. O petisco está fazendo sucesso e ganhando clientes fiéis. É ótimo para compartilhar entre amigos e familiares com aquela cervejinha gelada.


Depois de ver o torresmo de rolo na internet, os donos da Martins Lanchonete resolveram apostar na novidade. E está dando super certo segundo uma das donas do estabeleciemtno, Natiele Sabatine.



“A gente serve com geleia de pimenta agridoce e limão, fica bem saboroso. Estamos tendo uma demanda bem grande”, diz.



O local é especializado em comida nordestina. Serve caldo de mocóto e outras especiliadades da culinária. Mas, com o calor de Maringá, os donos resolveram criar uma alternativa e servir o torresmo de rolo, que é preparado pela sogra de Natiele. Um torresmo de rolo sai entre R$ 12 e 20, dependendo do peso.

Quem também aderiu à novidade é o Braseiro Assados e Açougue. Há três meses estão vendendo o torresmo de rolo. Edenilson Dias Guimarães é dono do estabelecimento e diz que não sobra nenhum. Ele explica que coloca a carne para fritar na gordura de porco, o que deixa o petisco ainda mais saboroso.


"A gente pega o barriga do boi junto com a panceta e tempera. Tem até como rechear, mas deixamos puro para ficar o sabor natural que é mais gostoso. Depois enrolamos com barbante e colocamos no forno para a carne ficar bem macia. Depois, frita por alguns segundos na banha de pouco em temperatura bem quente", detalha. 


O quilo sai por R$ 50. Tem como comer no local ou levar para casa. Todos os dias são feitos dezenas de torresmos de rolo e de sexta até domingo são os dias que o aperitivo mais é vendido. 


Quer receber nossas principais notícias pelo WhatsApp? Se sim, clique aqui, e encaminhe uma mensagem informando o seu nome.

Compartilhe

Seja o primeiro a comentar sobre isso

* Os comentários são de responsibilidade exclusiva de seus autores e não representam a opinião deste site. Se achar algo que viole os termos do uso, denuncie. Leia as perguntas mais frequentes para saber o que é impróprio ou ilegal.

voltar ao topo