Fechar

Maringá

Nossa Senhora da Glória

Passeio ciclístico e caminhada marcam o dia da padroeira de Maringá

Publicado por Luciana Peña/CBN Maringá, 10:36 - 15 de Agosto de 2019

O dia da padroeira de Maringá, Nossa Senhora da Glória, teve passeio ciclístico e caminhada em família entre as comemorações. Nesta quinta-feira (15), milhares de fiéis se reuniram para celebrar o feriado religioso e a Semana da Família, que tem programação até domingo, diz Claudia Michiura, da coordenação da Pastoral Familiar.


"A Semana da Família começa no domingo de Dia dos Pais e vai até o próximo domingo. As paróquias todas fazem uma programação especial, com palestras, missas especiais, com atividades com as crianças da catequese. Mas no dia 15, Dia de Nossa Senhora da Glória, todas as paróquias reservam a data para o passeio ciclístico, que já virou tradição", explica. 


A família pode ser grande ou pequena, o importante é estejam todos juntos. E a família da Maria Rita Strassacappa veio completa para o passeio ciclístico e a caminhada da Igreja Católica neste feriado da padroeira de Maringá.


"Mãe, filho, esposo. A gente veio participar da semana da família para mostrar como é importante a família estar reunida e unida em tempos tão difíceis", afirma. 


E a família vai aumentando ao encontrar os amigos, os conhecidos de outras paróquias...Momento de celebrar. A Luciene Bueno e a Luciana Possobon, eram só alegria.


E se nas bikes tem espaço para os pequenos, tem também para os pets, que hoje são da família. E a Lucilene Almeida trouxe a Catarina.


Dom Anuar Battisti este ano foi caminhando porque a bicicleta dele estava com o pneu murcho. Ao lado dos fiéis, a mensagem para todas as famílias.


Ouça na reportagem

Bloco de Imagem

Foto: Luciana Peña/CBN Maringá

Compartilhe

Seja o primeiro a comentar sobre isso

* Os comentários são de responsibilidade exclusiva de seus autores e não representam a opinião deste site. Se achar algo que viole os termos do uso, denuncie. Leia as perguntas mais frequentes para saber o que é impróprio ou ilegal.

voltar ao topo