Fechar

Paraná

Sarandi

Nome social, divórcio, DNA: Justiça no Bairro atende moradores

Publicado por Redação GMC, 13:59 - 15 de Outubro de 2018

O programa Justiça no Bairro oferece atendimento aos moradores de Sarandi e região nos dias 19 e 20 de outubro, sexta e sábado. A expectativa nesta edição é atender mais de 23 mil pessoas.


Serão oferecidos serviços como casamento comunitário, atendimentos na Associação de Pais e Amigos dos Excepcionais (Apae), Associação de Proteção a Maternidade e a Infância (APMI), Escola Municipal São Francisco de Assis e Clínica Materno Infantil.


A iniciativa é uma parceria entre a Prefeitura de Sarandi, SESC Paraná e o Tribunal de Justiça do Estado do Paraná (TJ-PR).


Na sexta-feira (19), será realizado o casamento comunitário. O Centro de Referência de Assistência Social (Cras) de Sarandi organizou os cadastros para os casais que quiseram oficializar o matrimônio. A cerimônia será realizada na sexta (19), às 19h, no Ginásio de Esporte Tancredo Neves. Os noivos devem chegar às 18h15.


No sábado (20), serão realizadas diversas ações. Confira:


Divórcio


Para realizar a separação legal do matrimônio, os dois precisam comparecer com todos os documentos pessoais, inclusive o certificado emitido pelo cartório no dia do casamento. Caso ambos estejam de acordo, o juiz aprova no mesmo dia o divórcio. Vale lembrar que casais com filhos devem levar os documentos da(s) criança(s) a fim de, verificar questões de pensão alimentícia prevista em lei. Nos casos em que apenas uma das partes pretende a separação, os advogados disponíveis no evento vão orientar e auxiliar essas pessoas nos procedimentos.


DNA


O exame de DNA é o único que possuí custo, desta forma o programa oferecerá formas de pagamento em dinheiro e até mesmo no cartão, para facilitar as condições de quem deseja realizar o processo.


Nome Social no RG


Nesta edição, caso seja transgênero, poderá mudar o nome social da carteira de identidade. Para isso, basta levar duas fotos 3x4 para a realização de um novo documento.


Poder Judiciário


- Atendimento jurisdicional
- Audiências de conciliação
- Área civil: interdição judicial
- Área da família: reconciliação, reconhecimento de paternidade e maternidade, reconhecimento e dissolução de união estável, restabelecimento da sociedade conjugal, tutela e alvarás e retificação de registro civil.


Com assessoria


Foto da capa: ilustrativa/ANPr

Compartilhe

Seja o primeiro a comentar sobre isso

* Os comentários são de responsibilidade exclusiva de seus autores e não representam a opinião deste site. Se achar algo que viole os termos do uso, denuncie. Leia as perguntas mais frequentes para saber o que é impróprio ou ilegal.

voltar ao topo