Policial

Polícia Federal

Família de Sarandi é investigada por dívida tributária de R$ 18 mi

Publicado por Nailena Faian, 14:25 - 07 de novembro de 2018

Uma família de Sarandi que é sócia de empresas do ramo de couro sediadas no Paraná é suspeita de ter débitos tributários de mais de R$ 18 milhões decorrentes de autuações da Receita Federal. Depois de investigações, a Polícia Federal (PF) de Maringá cumpriu quatro mandados de busca e apreensão na manhã desta quarta-feira (7) para colher mais detalhes do caso.


Conforme a investigação, a família compõe quadros societários de empresas sediadas em Guairaçá, Paiçandu e Sarandi. De acordo com a PF, para tentar fugir da dívida, os investigados chegaram a afirmar que seus nomes estavam sendo usados indevidamente.


Porém, a Polícia Federal conseguiu provar que os familiares têm vários números de Cadastro de Pessoa Física (CPF) e que reiteraram a manobra ilícita.


Nos locais onde foram realizados os mandados de busca e apreensão foram encontrados, segundo a PF, documentos que comprovam a vinculação dos investigados com as empresas autuadas.


Os familiares são investigados por sonegação fiscal, falsidade ideológica e associação para o crime.


Foto de capa: Reprodução/Facebook

Compartilhe

Seja o primeiro a comentar sobre isso

* Os comentários são de responsibilidade exclusiva de seus autores e não representam a opinião deste site. Se achar algo que viole os termos do uso, denuncie. Leia as perguntas mais frequentes para saber o que é impróprio ou ilegal.

voltar ao topo