Fechar

Policial

Campo Mourão

Padrasto de bebê encontrado morto é agredido na cadeia

Publicado por Nailena Faian, 16:10 - 18 de Junho de 2019

O padrasto do bebê que foi encontrado morto em Campo Mourão (a 95 quilômetros de Maringá) foi agredido na cadeia do município na noite dessa segunda-feira (17). Ele e a mãe estão presos após o menino de quatro meses ter sido encontrado sem vida ontem.


O Samu havia informado que o bebê estava com um ferimento na cabeça. No entanto, em entrevista ao portal GMC Online, o delegado Nilson Rodrigues da Silva afirmou que a criança não apresentava nenhum ferimento aparente.



“Vamos aguardar o laudo médico para saber qual a causa da morte”, disse o delegado.



Em depoimento, tanto o padrastro e a mãe do bebê, ambos de 24 anos, afirmaram que beberam e consumiram drogas naquela noite. “Ela disse que amamentou o bebê, colocou para dormir e quando acordou, às 7h do outro dia, encontrou ele morto”, contou o delegado.


O Samu foi acionado pela mãe, mas não foi possível fazer nada, pois o bebê já estava em óbito. Quem mora no imóvel, segundo a Polícia Civil, é o padrastro, e a mulher foi até o local e levou o filho junto.


Os dois foram presos em flagrante e permaneciam na cadeia até a tarde desta terça-feira (18). Agora, será preciso aguardar o resultado do laudo que vai apontar a causa da morte do bebê.

Bloco de Imagem

Criança foi morta dentro da casa onde o casal passou a noite – Foto: Rafael Silvestrin/Tasabendo.com

Compartilhe

Seja o primeiro a comentar sobre isso

* Os comentários são de responsibilidade exclusiva de seus autores e não representam a opinião deste site. Se achar algo que viole os termos do uso, denuncie. Leia as perguntas mais frequentes para saber o que é impróprio ou ilegal.

voltar ao topo