Fechar

Policial

Maringá

Suspeito de furtos na rodoviária tinha até maquininha de cartão

Publicado por Luciana Peña/CBN Maringá, 10:47 - 09 de Dezembro de 2019

Bloco de Imagem

Com o suspeito foram encontrados vários cartões de débito e crédito, além de dinheiro e uma máquina de cartão de crédito. Foto: Luciana Peña/CBN Maringá

A Guarda Municipal prendeu, nesta segunda-feira, 9, pela manhã, um homem suspeito de furtar passageiros na rodoviária de Maringá. Ele foi preso após ser reconhecido por uma das vítimas e pelo menos sete pessoas tiveram celulares e carteiras furtadas. Com o suspeito, foi encontada uma máquina de cartão de crédito.


As vítimas tinham acabado de desembarcar na rodoviária de Maringá. Algumas vindas de Curitiba, outras de São Paulo. O ladrão agiu da mesma forma: se aproximou no momento em que os passageiros esperavam, aglomerados, para retirar as bagagens.


Maria Aparecida Gomes foi quem reconheceu o ladrão e avisou a Guarda Municipal que fazia ronda na rodoviária.


"Nós chegamos de Barretos, era mais ou menos 10 para a 7 h e esse cara parou perto de mim e puxou conversa comigo. Estava chovendo bastante. Nisso, eu fui pegar a minha bagagem e quando eu chegue para comprar va passagem, pois eu sou de Campo Mourão, eu percebi que estava sem meus documentos", disse.


O suspeito foi levado para a delegacia e as outras vítimas também foram para lá. Com o suspeito foram encontrados vários cartões de débito e crédito, além de dinheiro e uma máquina de cartão de crédito.


O subcomandante da Guarda Municipal, Jeferson de Melo, explica que a Guarda já tinha recebido denúncias de que ladrões estariam furtando objetos de passageiros na rodoviária. A CBN inclusive fez reportagem sobre o assunto.


"A gente já havia recebido várias denúncias de um cidadão que vinha agindo no teminal rodoviário, furtando bolsas do pessoal que estava ali para viajar. A gente já havia reforçado o patrulhamento e acompanhado essas situações e na data de hoje tivemos a grata surpresa de pegá-lo em flagrante", destacou.


Ouça a reportagem completa na CBN Maringá.


O suspeito preso negou os crimes. Mas com ele os guardas encontraram também um comprovante de um empréstimo pré-aprovado feito em nome de uma das vítimas que tinha deixado a senha junto ao cartão. Ele usou a maquinha de cartão para fazer o empréstimo, no valor de R$ 8 mil, minutos após o furto.


tinha máquina de cartão. Com o cartão de uma das vítimas o ladrão fez uma empréstimo pré-aprovado de 8 mil reais. Ele foi preso na rodoviária de Maringá após ser reconhecido por uma das vítimas. Pelo menos sete pessoas tiveram celulares e carteiras furtadas.


Quer receber nossas principais notícias pelo WhatsApp? Se sim, clique aqui, e encaminhe uma mensagem informando o seu nome.

Compartilhe

Seja o primeiro a comentar sobre isso

* Os comentários são de responsibilidade exclusiva de seus autores e não representam a opinião deste site. Se achar algo que viole os termos do uso, denuncie. Leia as perguntas mais frequentes para saber o que é impróprio ou ilegal.

voltar ao topo