Fechar

Política

Eleições

Três mulheres são detidas por crimes eleitorais na região de Maringá

Publicado por Carina Bernardino, CBN Maringá, 18:02 - 28 de Outubro de 2018

Três mulheres foram detidas na tarde deste domingo (28) por propaganda irregular na região de Maringá. Foi no interior do local de votação.


Os dois primeiros casos ocorreram em Mandaguaçu. Segundo a Polícia Militar, o juiz eleitoral responsável pela comarca recebeu uma denúncia de que duas jovens de 20 e 21 anos teriam postado um vídeo numa rede social.


Nesse vídeo elas demostravam apoio a um candidato que concorre a presidente neste domingo. Após o juiz constatar a irregularidade, as duas jovens foram detidas, sendo retiradas da seção que estavam trabalhado. Elas devem responder por crime de propaganda eleitoral no dia do pleito.


O outro caso ocorreu em Marialva. Por volta das 15h30, uma jovem de 22 anos que trabalhava como presidente de mesa no colégio Anjos de Custódio fez uma postagem apoiando um candidato que concorre à Presidência. Ela foi retirada do colégio eleitoral e conduzida ao fórum. No local ela assinou um termo circunstanciado e foi liberada. Ela também deve responder por crime de propaganda eleitoral irregular.


Foto de capa: Ilustrativa/Divulgação

Compartilhe

Seja o primeiro a comentar sobre isso

* Os comentários são de responsibilidade exclusiva de seus autores e não representam a opinião deste site. Se achar algo que viole os termos do uso, denuncie. Leia as perguntas mais frequentes para saber o que é impróprio ou ilegal.

voltar ao topo