Fechar

Maringá

Negócios

Sicredi União PR/SP lança pedra fundamental da nova sede em Maringá

Publicado por Redação GMC, 08:26 - 19 de September de 2018

Bloco de Imagem

Construção fica na Avenida Paraná, esquina com a Avenida Carneiro Leão. Foto: Divulgação

A Sicredi União PR/SP completará 33 anos na próxima terça-feira (25). Para celebrar a data, será lançada a pedra fundamental da nova sede da instituição, em Maringá, na Avenida Paraná, esquina com a Avenida Carneiro Leão. Os detalhes deste projeto serão apresentados a partir das 8h30.


O projeto, além de abrigar a sede da cooperativa, será de uso da comunidade, com a destinação de praticamente todo o térreo ao público em geral. Haverá espaços destinados a coworking, startups, um café público e um auditório com capacidade para 450 pessoas.


O prédio, com duas torres e um total de 20 mil metros quadrados de construção, leva a assinatura conjunta do arquiteto Edson Yabiku e de seu irmão, o engenheiro Wilson Yabiku. Edson trabalhou até recentemente – e por 25 anos – no mundialmente reconhecido escritório de Arquitetura Foster + Partners, em Londres. O edifício será erguido dentro do conceito de ‘green building’ e buscará a certificação Leed Platinum, que é o grau máximo da certificação sustentável concedida pela Organização não governamental americana U.S. Green Building Council (USGBC). Os pré-requisitos para alcançar a certificação, entre outros, são sustentabilidade do espaço, racionalização do uso da água, eficiência energética, qualidade ambiental interna, materiais, recursos e inovação.


O projeto tem ainda a preocupação com a mobilidade urbana e reserva, no primeiro subsolo, um amplo estacionamento para bicicletas. Em anexo, haverá vestiário feminino e masculino para que os usuários de bicicleta possam tomar banho, trocar de roupa e ir para o trabalho em dias mais quentes.


O edifício terá creche para crianças até dois anos, biblioteca, refeitório, área de descanso e espaço gourmet que, quando necessário, pode se associar ao refeitório e se tornar um ambiente para até 300 pessoas. “Essa construção representará o nosso foco no crescimento regional, na inclusão e educação financeira, educação e formação das pessoas. O projeto da nova sede, que foi compartilhado com nossos associados, conselheiros e diretoria da cooperativa, visa a uma construção sustentável com aproveitamento da água da chuva, geração da própria energia, bicicletário com vestiário, salas para educa&ccedi l;ão financeira e startups, auditório multiuso e creche para os filhos dos colaboradores, entre outros espaços”, destaca o presidente da instituição, Wellington Ferreira.


O custo da obra e o cronograma da construção não foram divulgados.


Veja o vídeo:

Texto atualizado às 14h, do dia 20 de setembro, para acréscimo de informações.

Compartilhe

Seja o primeiro a comentar sobre isso

* Os comentários são de responsibilidade exclusiva de seus autores e não representam a opinião deste site. Se achar algo que viole os termos do uso, denuncie. Leia as perguntas mais frequentes para saber o que é impróprio ou ilegal.

voltar ao topo