Fale conosco
  • Ouça agora

    Maringá FM

    As mais tocadas da Maringá FM

  • Ouça agora

    CBN Maringá

    As mais tocadas da CBN Maringá

  • Ouça agora

    Mix FM Maringá

    As mais tocadas da Mix FM Maringá

  • Ouça agora

    CBN Cascavel

    As mais tocadas da CBN Cascavel

Portal GMC Online

Agora em Maringá

Ver próximos dias

Notícias

Orquídeas pra que te quero

Vamos falar um pouco sobre essas lindas flores que enfeitam tanto nossas vidas: As orquídeas!

Temos varias espécies delas. Podemos, então, começar falando da…

Vanda (Vanda Rothschildiana)

Suas flores são arredondadas, lilases (bem claras), com desenhos em tons lilás-azulado. Suas flores vêm na primavera, duas vezes ao ano e essa orquídea possui características de clima tropical, quente e úmido. A Vanda deve ser cultivada sob sol pleno e locais bem ventilados. Pode-se plantar em placas de fibra de côco, troncos ou cascas de árvores.

Catléia (Cattleyaintermedia var. Semi-Alba)

Um dos grandes atrativos desta orquídea é a quantidade de cores em que é encontrada. Trata-se da espécie mais comum tem flores lilás róseas. Existem tantas variedades destas flores estelares que alguns orquidófilos se dedicam unicamente a colecioná-las.

Espécies típicas da mata atlântica, das regiões Sul e Sudeste do Brasil, a catléa tem característica de clima tropical quente. Ela deve ser cultivada sob meia sombra, em troncos de árvores, casca de pinus ou placas de fibra de côco. As regas podem ser diárias ou a cada dois dias. A adubação deve ser feita quinzenalmente.

Falaenópsis (phalaenopsis fasciata)

As flores desta orquídea são “tigradas” e lisas, embora sejam relativamente pequenas para esse gênero. As flores se destacam pelo colorido. A mesma haste floral pode voltar a florescer, sendo na primavera, no hemisfério sul, e no verão e outono, no hemisfério norte.

Originária das Filipinas, ela possui as característica de clima tropical quente e úmido e não é tolerante ao frio. Deve ser cultivada à sombra, em placas de fibra de côco, pedaços pequenos de carvão vegetal ou cascas rugosas de árvores. Quer uma dica? Regue diariamente, ou “dia sim dia não”.

Outras orientações

Orquídeas gostam de água. Por isso, devem ser molhadas sempre. Nada de deixá-las secas, sem água.
A adubação também deve ser de 15 em 15 dias. Adubo especial para orquídeas.

Existem, no mercado, adubos de marcas excelentes para orquídeas. Siga corretamente as explicações existentes nas embalagens e suas orquídeas ficarão e estarão sempre floridas.

Na dúvida com relação a adquirir uma espécie, consulte um profissional.

Eu sou Rosangela Oldemburg e estou aqui para tirar suas dúvidas! Boa sorte com sua orquídeas.

Veja abaixo uma galeria de imagens com belas orquídeas:

As mais lidas agora

Pagamento de até R$ 500 do FGTS para trabalhadores começa nesta sexta

O pagamento de até R$ 500 por conta do Fundo de Garantia do Tempo de Serviço (FGTS) começa nesta sexta-feira (27) para os trabalhadores nascidos em maio, junho, julho e agosto com poupança ou conta-corrente na Caixa Econômica Federal. A Caixa Econômica Federal iniciou neste mês o depósito automático para quem tem poupança, seguindo calendário […]

Pagamento de até R$ 500 do FGTS para trabalhadores começa nesta sexta

O pagamento de até R$ 500 por conta do Fundo de Garantia do Tempo de Serviço (FGTS) começa nesta sexta-feira (27) para os trabalhadores nascidos em maio, junho, julho e agosto com poupança ou conta-corrente na Caixa Econômica Federal. A Caixa Econômica Federal iniciou neste mês o depósito automático para quem tem poupança, seguindo calendário […]


Notícias