Fale conosco
  • Ouça agora

    Maringá FM

    As mais tocadas da Maringá FM

  • Ouça agora

    CBN Maringá

    As mais tocadas da CBN Maringá

  • Ouça agora

    Mix FM Maringá

    As mais tocadas da Mix FM Maringá

  • Ouça agora

    CBN Cascavel

    As mais tocadas da CBN Cascavel

Portal GMC Online

Agora em Maringá

Ver próximos dias

Política

Diretório maringaense do MDB se revolta contra executiva estadual

A decisão da Executiva do MDB do Paraná de interferir e reformular o diretório do partido em cidades como Maringá revoltou a direção local da sigla. O presidente do MDB maringaense, Umberto Crispim, chamou o presidente estadual, o deputado federal João Arruda, de Luis ‘XV Tupiniquim’ – uma referência ao monarca que controlou a França no século XVIII.

O MBD estadual decidiu nesta semana intervir nos diretórios por causa do que chama de infidelidade partidária e fraco desempenho, segundo João Arruda. Na avaliação dele, o partido em Maringá apoiou candidatos de outras siglas, que não as emedebistas. Arruda foi o candidato pelo MDB ao governo do Paraná. O partido, em Maringá, optou pela campanha de Cida Borghetti, do PP.

Por conta da decisão da executiva estadual, os diretórios de Maringá, Londrina, Ponta Grossa e Curitiba devem enviar uma lista com nomes de pré-candidatos a vereador e prefeito para as eleições municipais de 2020, até o segundo semestre.

Crispim, o presidente em Maringá, tem mandato até o segundo semestre de 2019. Ele chama de golpe a ação de Arruda. O político maringaense aponta o deputado federal como um ditador e diz que o MDB estadual quer criar um feudo.

Em relação à infidelidade partidária, Umberto Crispim afirma que a executiva do Paraná não tem respaldo para apontar o dedo para Maringá. O motivo seria a gestão anterior do partido do Paraná, que não apoiou o candidato à presidência Henrique Meirelles. Se não houver diálogo, o político maringaense pretende entrar na Justiça.

Questionado pela CBN sobre Umberto Crispim, João Arruda preferiu se manter neutro.

Ouça a reportagem completa na CBN Maringá.

Entre outras disputas, o diretório maringaense do MDB não quer que a executiva estadual venda a sede do partido em Curitiba. O motivo para o negócio seria o pagamento de dívidas. Os emedebistas maringaenses querem saber como está a questão financeira da sigla no estado.

As mais lidas agora

Pagamento de até R$ 500 do FGTS para trabalhadores começa nesta sexta

O pagamento de até R$ 500 por conta do Fundo de Garantia do Tempo de Serviço (FGTS) começa nesta sexta-feira (27) para os trabalhadores nascidos em maio, junho, julho e agosto com poupança ou conta-corrente na Caixa Econômica Federal. A Caixa Econômica Federal iniciou neste mês o depósito automático para quem tem poupança, seguindo calendário […]

Pagamento de até R$ 500 do FGTS para trabalhadores começa nesta sexta

O pagamento de até R$ 500 por conta do Fundo de Garantia do Tempo de Serviço (FGTS) começa nesta sexta-feira (27) para os trabalhadores nascidos em maio, junho, julho e agosto com poupança ou conta-corrente na Caixa Econômica Federal. A Caixa Econômica Federal iniciou neste mês o depósito automático para quem tem poupança, seguindo calendário […]


Política

Governo quer recriar TV internacional

A programação do canal será voltada ao público estrangeiro uma das ideias é tornar disponível o conteúdo da TV pelo serviço de streaming.