Fechar

Maringá

Cidade

Saiba como as cores que iluminam a Catedral de Maringá são escolhidas

Publicado por Luiz Santos, 10:30 - 10 de Abril de 2019

A Catedral Nossa Senhora da Glória é a “igreja mãe” da arquidiocese de Maringá e um dos principais símbolos da cidade. A iluminação colorida é um atrativo da igreja e chama a atenção da população pela beleza. Mas, você sabe como é feita a escolha das cores?


Em um vídeo publicado no Facebook, o pároco Virgílio Cabral dos Santos explica que a iluminação da igreja é feita em parceria com a prefeitura.



“A Catedral emprestou a estrutura do templo e a prefeitura confeccionou a iluminação”, relata.



Assim, a iluminação é determinada em um acordo entre estas partes. Segundo Virgílio, as cores são determinadas “principalmente pelo momento litúrgico que a Igreja vive e também por momentos cívicos importantes para Maringá e o país.”


Em maio, na semana do aniversário da cidade, as cores da Catedral são as da bandeira do município. Já em setembro, na semana da pátria, a iluminação leva as cores da bandeira do Brasil.

Bloco de Imagem

Foto: Leo Castro

Outras alterações das luzes já previstas em contrato são em outubro, mês de combate ao câncer de mama e quando a Catedral fica rosa; e novembro, quando a igreja fica azul para conscientização sobre câncer de próstata.

Bloco de Imagem

Foto: Reprodução/Facebook Catedral de Maringá

No vídeo, o pároco lembra que, durante o período de testes, foram colocadas cores específicas para prevenção de algumas doenças. Porém, logo após a finalização das luzes, as cores “foram estabelecidas em contrato e não há como acessar a mudança delas periodicamente”.


Virgílio também explica que as cores são “preparadas” por um único técnico, que atualiza a programação de vários meses em um aparelho na Catedral. “Tudo durante meses vai transcorrer automaticamente”, comenta o pároco.

Bloco de Imagem

O aparelho que faz a mudança das cores da iluminação da Catedral. Foto: Reprodução/Facebook Catedral de Maringá

Virgílio diz que não há como atender todos os pedidos já que não é possível alterar as cores "mecanicamente". Além disso, o pároco ainda ressalta que não consegue priorizar demandas. "Quando se trata de vida humana, tudo é importante”, destaca.

Compartilhe

Seja o primeiro a comentar sobre isso

* Os comentários são de responsibilidade exclusiva de seus autores e não representam a opinião deste site. Se achar algo que viole os termos do uso, denuncie. Leia as perguntas mais frequentes para saber o que é impróprio ou ilegal.

voltar ao topo