Fechar

Maringá

inusitado

O edifício de janelas tortas que chama a atenção em Maringá

Publicado por Luiz Santos, 08:07 - 19 de Novembro de 2019

Bloco de Imagem

O edifício Guinza fica na rua Piratininga, no centro de Maringá. Foto: Luiz Santos/GMC Online

Um prédio chama a atenção de quem anda pela rua Piratininga, no centro de Maringá. É que alguns apartamentos do edifício Guinza têm janelas tortas.


Eliana Ribeiro é síndica do Guinza desde sua entrega, em 2008. Ela explica que é comum o interesse de pessoas em saber o porquê das janelas tortas. "É um comentário na cidade, todos que passam por aqui param para ver se as janelas são tortas mesmo", comenta.


A síndica afirma que quando comprou o apartamento, na planta, não havia reparado que o projeto já incluia as janelas em posições diferentes. "Não percebi nos projetos. Quando estava quase pronto passei em frente e minha irmã me disse que as janelas estavam tortas", diz.


A primeira reação de Eliana foi de achar que os pedreiros haviam cometido algum erro. "Eu achei que iriam consertar, mas então fui olhar o projeto e vi que era uma arquitetura diferenciada", conta a síndica.


Eliana relata que chegou a conversar com o arquiteto responsável pelo projeto do Guinza. "Ele me disse que era uma arquitetura moderna", diz.


Para quem sofre de TOC (transtorno obsessivo compulsivo) a arquitetura pode até desagradar, mas o fato é que com o tempo os moradores se acostumaram com as janelas do prédio e também com a repercussão entre os pedestres que passam por lá.

Bloco de Imagem

Vista da janela de um apartamento do edifício Guinza. Foto: Arquivo pessoal

"Se você ficar aqui durante o dia você vê várias pessoas parando e comentando sobre. Virou uma espécie de ponto turístico da cidade", ressalta a síndica.


O estilo diferenciado das janelas, no entanto, faz com que os moradores encontrem dificuldades na hora de instalar as janelas. Além disso, por causa da inclinação, muitas acabam "fechando sozinhas".


"Se você abrir, ela bate. Algumas pessoas instalaram assim mesmo e aí usam algum cabo para segurar. O que orientamos é que fizessem uma base reta em cima e embaixo para, então, instalar as janelas", comenta Eliana.


A reportagem entrou em contato com o arquiteto responsável pelo projeto do edifício, mas não obteve retorno.

Bloco de Imagem

Foto: Arquivo pessoal

Quer receber nossas principais notícias pelo WhatsApp? Se sim, clique aqui, e encaminhe uma mensagem informando o seu nome.

Compartilhe

Seja o primeiro a comentar sobre isso

* Os comentários são de responsibilidade exclusiva de seus autores e não representam a opinião deste site. Se achar algo que viole os termos do uso, denuncie. Leia as perguntas mais frequentes para saber o que é impróprio ou ilegal.

voltar ao topo