Fechar

Maringá

Educação

Greve na UEM pode terminar esta semana, diz comando

Publicado por Luciana Peña/CBN Maringá, 10:35 - 05 de Agosto de 2019

Caso governo envie proposta para a Assembleia Legislativa do Paraná (Alep), a greve na Universidade Estadual de Maringá (UEM) pode terminar esta semana. É que com retomada do calendário a acadêmico, o movimento se enfraqueceu e, no campus, alguns estudantes estão tendo aulas.


A segunda-feira (5) começou com aula para alguns da Universidade Estadual de Maringá (UEM). A reportagem conversou com uma turma do curso de administração. Nem todos os alunos apareceram. É que por causa da greve muitos voltaram para as cidades de origem. Principalmente aqueles que dependem da refeição servida no Restaurante Universitário (RU), que está fechado.


A informação de que as aulas podem voltar está circulando entre estudantes e foi citada na reunião desta segunda-feira do comando de greve. A greve continua normalmente, diz o presidente do Sindicato dos Trabalhadores em Estabelecimentos de Ensino de Maringá (Sinteemar), José Maria Marques, mas pode acabar caso o governo do Estado enviei para a Assembleia Legislativa o projeto com a proposta de reajuste parcelado.


A mesma proposta tinha sido rejeitada, mas se ela for para a Alep pode colocar fim ao movimento, já que trata da reivindicação que legitima a greve, que é a data-base.


Na reunião do comando de greve, teve integrante que sugeriu trancar as salas para evitar que alguns professores deem aulas. Mas a ideia é considerada radical e não deve ser adotada. O comando pretende conversar com os professores que estão em sala de aula.


Ouça a reportagem na CBN Maringá.


A CBN está tentando contato com o governo para saber se a proposta de reajuste será enviada à Alep.


Calendário acadêmico


A retomada do Calendário Acadêmico da Universidade Estadual de Maringá (UEM) foi decidida na quinta-feira (1º), por maioria, em reunião do Conselho de Ensino, Pesquisa e Extensão (CEP). Cabe ressaltar que isto não coloca fim à greve, nem estabelece um cronograma de reposição de aulas.

Bloco de Imagem

Foto: Divulgação

Compartilhe

Seja o primeiro a comentar sobre isso

* Os comentários são de responsibilidade exclusiva de seus autores e não representam a opinião deste site. Se achar algo que viole os termos do uso, denuncie. Leia as perguntas mais frequentes para saber o que é impróprio ou ilegal.

voltar ao topo