Fechar

Policial

Maringá

Após levar panelada, homem acaba preso com arma e droga em Maringá

Publicado por Redação GMC, 20:11 - 01 de Janeiro de 2019

Um homem foi preso pela Polícia Militar (PM), nesta terça-feira (1), com arma munição e drogas, no Jardim Imperial, em Maringá.


De acordo com a Polícia Militar, pouco depois da virada de Ano Novo, por volta das 0h15, uma equipe de policiais se dirigiu até o local para averiguar um possível caso de agressão de um homem contra a sua mulher.


Chegando lá, a mulher disse que o marido havia danificado toda a casa e que os dois começaram a brigar. No meio da briga, ela teria dado uma panelada na cabeça dele.


A equipe policial, que estava do lado de fora da residência, ouviu o homem quebrando objetos dentro da casa e gritando e chamou apoio.


Quando o reforço chegou, a mulher, acompanhada da tia dela, partiu para cima dos policiais com socos e chutes. As duas precisaram ser contidas.


Segundo a PM, os policiais encontraram a casa totalmente destruída e o homem que havia levado a panelada na cabeça ensanguentado.


Ao ver a equipe policial, o homem correu para o quarto e depois tentou agredir os policiais, mas acabou algemado.


Ainda de acordo com a PM, populares relataram que o homem traficava drogas e momentos antes estava na rua com uma arma ameaçando a companheira.


Assim, os policiais encontraram uma arma calibre .38 dentro de um carro que estava na casa do suspeito. Na casa dele, dentro o guarda-roupas, os policiais também acharam 14 munições 9 mm e 10 de .380, além de 153 gramas de uma substância parecida com cocaína.


O homem e uma mulher que estavam no local foram presos e levados à delegacia de Polícia Civil. Já o veículo onde estava a arma foi entregue à 13ª Ciretran.

Compartilhe

Seja o primeiro a comentar sobre isso

* Os comentários são de responsibilidade exclusiva de seus autores e não representam a opinião deste site. Se achar algo que viole os termos do uso, denuncie. Leia as perguntas mais frequentes para saber o que é impróprio ou ilegal.

voltar ao topo