Fechar

COLUNISTAS

Maringá, um canteiro de obras a céu aberto

Publicado por Arlindo Alves, 11:00 - 20 de December de 2019

Bloco de Galeria

Não é de se espantar ao ouvir, hoje em dia, alguém falando em crise econômica ou recessão. De fato, desde meados de 2014, estamos enfrentando uma instabilidade vinculada com insegurança muito intensa no nosso território nacional, o que reverbera de forma quase que instantânea o setor da construção civil.


Neste texto de inauguração decidi registrar esta minha sensação otimista que tenho sobre nossa cidade em relação às demais da região, principalmente em uma escala estadual. É importante ressaltar que se trata de um sentimento, uma percepção, e não um estudo baseado em pesquisas e dados.


Ao andar por Maringá, principalmente se você estiver andando a pé, é de se perceber um som específico e constante além dos ruídos dos carros e das pessoas. Com um pouquinho mais de concentração, fica nítida a presença deste som que, nada mais é, o barulho das máquinas trabalhando dentro das obras a todo vapor. Basta ficar alerta a este fato que pronto, mais uma vez é possível identificar um barulho de uma betoneira, bate-estaca, sinalizador de movimento, parafusadeira, martelete e assim por diante.


Maringá definitivamente se encontra, atualmente, em um canteiro de obras a céu aberto. Se existem sinais que apontam uma retomada da economia nacional, Maringá certamente deveria ser utilizada como um exemplo positivo a ser seguido.

Bloco de Imagem

E você? O que acha desta minha percepção? Gostou? Concorda? Comente! Nossa intenção aqui é a de estabelecer um diálogo com os leitores do portal que reúne tanto conteúdo de boa qualidade para todos vocês.


Neste espaço irei escrever sobre o universo da reforma e construção, você tem alguma sugestão? Envie para nós que analisaremos com a maior satisfação.


Até a próxima.

Bloco de Imagem

O texto é assinado pelo Engenheiro e Arquiteto Arlindo Alves.

Compartilhe

Seja o primeiro a comentar sobre isso

* Os comentários são de responsibilidade exclusiva de seus autores e não representam a opinião deste site. Se achar algo que viole os termos do uso, denuncie. Leia as perguntas mais frequentes para saber o que é impróprio ou ilegal.

voltar ao topo