Fechar

Futebol

Fim da Novela

Palmeiras anuncia contratação do atacante Rony, do Athletico-PR

Publicado por Agência Estado , 17:12 - 21 de February de 2020

O Palmeiras anunciou nesta sexta-feira a contratação do atacante Rony, que estava no Athletico-PR. O vínculo assinado é válido até dezembro de 2024. A negociação se arrastava desde janeiro, quando o clube alviverde fez uma proposta de R$ 28 milhões por 50% dos direitos econômicos do jogador de 24 anos.


A pendência que atrasou a negociação foi a falta de acordo entre Rony e o Athletico-PR sobre o valor a ser repassado ao atacante em caso de venda. O jogador entendia ter direito a embolsar 50% do valor, enquanto que o clube defendia que só daria 1 milhão de dólares (R$ 4,4 milhões). Para solucionar o impasse, Rony e o seu agente alinharam receber um outro valor, superior à exigência inicial do time de Curitiba.


A transferência de Rony ainda contou com idas e vindas, inclusive com a proposta do Athletico-PR de renovar contrato para segurar o jogador. O acordo foi redigido, mas não assinado. Depois disso, a diretoria rubro-negra voltou a procurar o Palmeiras.


Rony é o segundo reforço do Palmeiras para a temporada de 2020. Antes do atacante, o clube alviverde já havia contratado o lateral-esquerdo uruguaio Matías Viña.


Com Rony, o técnico Vanderlei Luxemburgo ganha mais uma opção para atacante de beirada de campo. Os jogadores com essa características à disposição no elenco alviverde são: Dudu, Gabriel Veron, Wesley, Luan Silva e o colombiano Angulo. Willian também pode atuar na posição, mas vem sendo utilizado como centroavante.

Bloco de Imagem

Foto: Reprodução/Facebook

Quer receber nossas principais notícias pelo WhatsApp? Se sim, clique aqui, e encaminhe uma mensagem informando o seu nome.

Compartilhe

Seja o primeiro a comentar sobre isso

* Os comentários são de responsibilidade exclusiva de seus autores e não representam a opinião deste site. Se achar algo que viole os termos do uso, denuncie. Leia as perguntas mais frequentes para saber o que é impróprio ou ilegal.

voltar ao topo