Fechar

Maringá

Medalha de prata

Hórus Cervejaria é destaque em concurso em nível internacional

Conteúdo de Marca

Publicado por Monique Manganaro , 08:50 - 27 de novembro de 2019

Bloco de Imagem

Foto: Reprodução/Facebook

O trabalho fiel e minucioso rendeu à Hórus Cervejaria reconhecimento em um concurso em nível internacional. Concorrendo com mais de 300 cervejarias do Brasil e de outros seis países, a fábrica maringaense conquistou medalha de prata em duas das cinco categorias que participou.


Realizada recentemente em Porto Alegre (Rio Grande do Sul), a Copa Internacional da Cerveja 2019, um dos mais importantes campeonatos de rótulos do mundo, recebeu 1.450 amostras de bebidas e elegeu as cervejas que mais eram fiéis ao estilo que pertenciam.


Conforme explica Mairon Sacchi, sócio-proprietário da Hórus, a casa foi premiada com a cerveja Bruxelas, uma Belgian Table Beer, e com a Cornélia, uma Vienna Lager, tipicamente alemã.


“[A Vienna Lager] é uma cerveja bem maltada, que segue o equilíbrio do malte com o lúpulo. Uma cerveja que, eu diria, de entrada. Quem está começando a conhecer o mundo cervejeiro pode tomar tranquilamente, até pelo dulçor que ela tem, um pouco de caramelo. A outra [Belgian Table Beer] vai para um mundo totalmente diferente, pois nas cervejas belgas já é aceito que você coloque condimentos. A Bruxelas é uma cerveja que vai um fermento belga, o que dá uma leve picância, e [leva ainda] casca de limão siciliano e coentro. Então, é uma cerveja para quem gosta de algo diferente e procura uma nova experiência”, detalha.


Com pouco mais de um ano, a Hórus Cervejaria já se destaca no cenário maringaense. Este foi o primeiro concurso cervejeiro que os proprietários decidiram participar e, de cara, apostaram as fichas entrando em uma competição a nível internacional. “Para nós, o mais importante é trabalhar para termos o reconhecimento do nosso cliente. Esse é o verdadeiro prêmio que a gente busca”, afirma Mairon.

Bloco de Imagem

Foto: Reprodução/Facebook

A cervejaria oferece, tradicionalmente, 12 rótulos diferentes nas torneiras, que variam a cada temporada. As duas vencedoras, de acordo com Mairon, podem estar ou não no cardápio quando o cliente procurar, mudando de acordo com a produção da casa.


Os proprietários apostam, ainda, na inovação. A média, segundo explica, é de ao menos um lançamento por mês, mantendo a originalidade e proporcionando novas experiências aos consumidores.


Gastronomia da casa

Bloco de Galeria

Assim como o cardápio de cervejas, a gastronomia da Hórus Cervejaria também é inovadora e diversa. Mairon diz que a ideia é se dedicar ao preparo de aperitivos, entradas ou pratos principais que utilizem a própria cerveja como ingrediente, além das opções pensadas para harmonizar perfeitamente com a gama de cervejas servidas.


Agora, a nova aposta é a culinária vegana, para diversificar ainda mais o cardápio. 

“Nós temos um cardápio bem diferenciado para tentarmos agradar a todos os clientes. Temos, ainda, um cardápio de drinks na casa, com uma mixologia de cerveja, ou seja, que mistura cerveja aos drinks. Ao todo, são mais de 40”, frisa Mairon.

Bloco de Imagem

Foto: Reprodução/Facebook

Mercado maringaense


A ideia de produzir cervejas artesanais teve grande crescimento nos últimos anos. Segundo dados da Associação Brasileira de Cerveja Artesanal (Abracerva), divulgados pela revista Exame, em dez anos, o número de cervejarias no Brasil passou de 70 para 700. A conta, no entanto, não inclui as que não têm registro.


Ainda de acordo com a Abracerva, no ano passado, aproximadamente 185 novas fábricas foram registradas, o que representa crescimento de 35% no ramo.


Em Maringá, a expansão no setor não foi diferente. Atualmente, a cidade tem nove fábricas de cervejas artesanais, fora as que terceirização a produção, as chamas "ciganas".


"Nós temos também uma associação de cervejeiros caseiros, a Concerva, com mais de 100 produtores de cervejas caseiras. Caso alguém queira conhecer melhor esse mundo, ou até mesmo produzir sua cerveja, pode acessar o site: www.concervamga.com.br", indica Mairon. 


Quer receber nossas principais notícias pelo WhatsApp? Se sim, clique aqui, e encaminhe uma mensagem informando o seu nome.

Compartilhe

Seja o primeiro a comentar sobre isso

* Os comentários são de responsibilidade exclusiva de seus autores e não representam a opinião deste site. Se achar algo que viole os termos do uso, denuncie. Leia as perguntas mais frequentes para saber o que é impróprio ou ilegal.

voltar ao topo