Fechar

Maringá

2ª fase

Procon fiscaliza qualidade do combustível em Maringá

Publicado por Nailena Faian, 16:39 - 08 de outubro de 2019

O Procon de Maringá está fiscalizando a qualidade do combustível comercializado nos postos da cidade. Isso porque na fiscalização passada, realizada em agosto, faltaram ser colhidas amostras de dez estabelecimentos.


Agora, essas amostras de combustíveis foram enviadas para o laboratório e o resultado deve sair em até dez dias.


Os outros 77 postos que já haviam sido fiscalizados voltaram a ser abordados pelo Procon novamente, conforme explica o diretor do órgão, Geison Ferdinandi.



“O Procon precisa realizar um trabalho constante em relação a essa fiscalização de qualidade dos produtos que são comercializados nos postos. Isso porque o abastecimento desses postos é muito rápido", diz.



Na primeira fase da fiscalização, 67 postos de Maringá foram fiscalizados e não foram encontradas irregularidades em relação à qualidade do combustível. No entanto, foram constatadas divergências com relação à bomba. Quatro bicos de bomba de quatro estabelecimentos foram lacrados. Em um dos casos, o consumidor perdia cerca de 9 ml a cada litro de etanol.


Também tiveram estabelecimentos multados por outros motivos, como a venda de produtos que já haviam atingido o prazo de validade.

Bloco de Imagem

Foto: Ilustrativa/Agência Brasil

Compartilhe

Seja o primeiro a comentar sobre isso

* Os comentários são de responsibilidade exclusiva de seus autores e não representam a opinião deste site. Se achar algo que viole os termos do uso, denuncie. Leia as perguntas mais frequentes para saber o que é impróprio ou ilegal.

voltar ao topo