Fechar

Paraná

Nomeação

Ex-UEM toma posse no Tribunal Regional Eleitoral do Paraná

Publicado por Monique Manganaro , 09:40 - 04 de December de 2019

Bloco de Imagem

Aos 34 anos, Thiago Paiva dos Santos foi nomeado juiz membro na classe advogado do Tribunal Regional Eleitoral do Paraná. Foto: Divulgação/Assessoria de Imprensa

Foi nomeado juiz membro na classe advogado do Tribunal Regional Eleitoral do Paraná (TRE/PR), na segunda-feira (2), Thiago Paiva dos Santos. O paulistano de Assis e ex-estudante da Universidade Estadual de Maringá (UEM) foi indicado pelo presidente Jair Bolsonaro por meio de decreto publicado na quarta-feira (27) passada. Aos 34 anos, Santos se tornou o mais jovem a tomar posse no cargo no Paraná.


O advogado chegou a Maringá nos anos 90, depois que o pai foi contratado por uma usina de açúcar da cidade. Ao ingressar na UEM, dedicou-se intensamente às atividades acadêmicas, como desenvolvimento de pesquisas e projetos da instituição.


Em entrevista ao GMC Online, o advogado destacou a participação como presidente do Centro Acadêmico Horácio Raccanello Filho (entidade que representa os estudantes do curso de Direito da universidade) e a execução do projeto “Direito em Debate” durante a gestão; foi membro titular Conselho de Administração (CAD) em 2006, membro suplente do Conselho de Ensino, Pesquisa e Extensão (CEP) em 2005 e do Conselho Universitário (COU) em 2007.


Em 2013, tornou-se membro da Comissão de Direito Eleitoral da Ordem dos Advogados do Brasil (OAB), seção Paraná, e da diretoria do Instituto Paranaense de Direito Eleitoral (Iprade).


Vaga no TRE/PR


Conforme explica Santos, para concorrerem a uma vaga dentro do TRE, os advogados precisam ser eleitos pelo Tribunal de Justiça de cada estado, que forma uma lista com três nomes e envia para a escolha do presidente da República.

Bloco de Imagem

Foto: Divulgação/Assessoria de Imprensa

Em eleição no dia 26 de agosto deste ano, o nome de Santos foi anunciado na lista tríplice após receber 74 votos. Em 27 de novembro, o presidente Jair Bolsonaro, então, decidiu por indicá-lo como membro efetivo do TRE/PR.


“Fico muito feliz com a eleição pelo Tribunal de Justiça e a nomeação pelo presidente da República. Assumir como juiz no Tribunal Regional Eleitoral do Paraná e trabalhar pelo Brasil e pela justiça, ao lado de pessoas que sempre admirei, é algo extraordinário em vida”, afirmou o recém-empossado.


Como prevê a Constituição Federal, o tribunal é composto por dois desembargadores do Tribunal de Justiça, dois juízes de Direito e dois advogados. Os mandatos são de dois anos.

Bloco de Imagem

Foto: Divulgação/Assessoria de Imprensa

Além do cargo dentro do TRE/PR, Santos continuará exercendo a advocacia. Morando em Curitiba, atualmente, ele é sócio-fundador do Escritório Kozikoski, Paiva dos Santos & Bertoncini Advogados Associados.


Segundo destacou, o advogado que integra o TRE fica impedido, apenas, de atuar na área do direito eleitoral.


Quer receber nossas principais notícias pelo WhatsApp? Se sim, clique aqui, e encaminhe uma mensagem informando o seu nome.

Compartilhe

Seja o primeiro a comentar sobre isso

* Os comentários são de responsibilidade exclusiva de seus autores e não representam a opinião deste site. Se achar algo que viole os termos do uso, denuncie. Leia as perguntas mais frequentes para saber o que é impróprio ou ilegal.

voltar ao topo