Fechar

Policial

40 mandados judiciais

Operação no noroeste quer coibir atuação de organização criminosa

Publicado por Monique Manganaro , 07:56 - 10 de Dezembro de 2019

Operação deflagrada na manhã desta terça-feira, 10, cumpre 40 mandados judiciais contra suspeitos de participação em atos de uma organização criminosa que atua no noroeste do Paraná. A ação é comandada pelo Ministério Público e pelo 8º Batalhão da Polícia Militar (PM), em Paranavaí (a 77 quilômetros de Maringá). 


Segundo o MP, a organização criminosa atua em diversos estados do país e, conforme investigação, os crimes eram praticados a partir de presídios paranaenses. A organização é responsável por crimes como tráfico de drogas, associação para o tráfico, comercialização e porte de armas, roubos, latrocínios, estelionatos, falsificações, homicídios e tentativas de homicídio.


“Parte dos crimes tem como foco a obtenção de recursos para a manutenção das atividades da facção, e outros – notadamente homicídios e tentativas de homicídio – são praticados para intimidar e silenciar desafetos e afastar bandos rivais”, detalha o MP.


As investigações da Operação Canário foram conduzidas pelas Promotorias de Justiça de Paranavaí, em parceria com a PM. No total, 50 agentes públicos - entre promotores de Justiça, policiais e agentes penitenciários - participam da ação.


Nesta terça, são cumpridos 20 mandados de prisão preventiva (desses, 15 de pessoas que já estavam em unidades prisionais, de acordo com o MP), e mais 20 de busca e apreensão.


Quer receber nossas principais notícias pelo WhatsApp? Se sim, clique aqui, e encaminhe uma mensagem informando o seu nome.


 

Bloco de Imagem

Foto: ilustrativa/Arquivo/Agência Estadual de Notícias

Compartilhe

Seja o primeiro a comentar sobre isso

* Os comentários são de responsibilidade exclusiva de seus autores e não representam a opinião deste site. Se achar algo que viole os termos do uso, denuncie. Leia as perguntas mais frequentes para saber o que é impróprio ou ilegal.

voltar ao topo