Nós usamos cookies para melhorar a sua experiência em nosso site, personalizar publicidade e recomendar conteúdo de seu interesse. Ao acessar nosso portal, você concorda com o uso dessa tecnologia. Saiba mais em nossa Política de Privacidade.

17 de abril de 2024

Com programa de aceleração de Maringá, empresas faturam mais de R$ 300 mil; novas inscrições abrem neste mês


Por Redação GMC Publicado 08/07/2022 às 19h37 Atualizado 20/10/2022 às 11h10
 Tempo de leitura estimado: 00:00
Encerramento do 7º Batch de Aceleração da Evoa Aceleradora, de Maringá. O programa reuniu startups de todo o Brasil. que estiveram juntas nesta quinta-feira, 7, para o último dia do ciclo. Foto: Equipe GMC Online.

Preparar empreendedores para fazer com que suas empresas cresçam, contratem mais talentos e a partir disso promovam o desenvolvimento regional e nacional através de tecnologia e inovação. Foi com esse objetivo que teve início no segundo semestre de 2018, o Batch de Aceleração da Evoa Aceleradora, startup de Maringá.

E nesta quinta-feira, 7, a Evoa divulgou os resultados do seu 7º Batch de Aceleração. Diferente dos últimos anos, desta vez os integrantes participaram presencialmente, em Maringá, de um momento de conexão e do evento de encerramento do programa. Além disso, conheceram empresas e instituições do ecossistema de inovação de Maringá.

Após a apresentação dos resultados do batch de aceleração, foi divulgada a programação do Investing Day – saiba mais abaixo.

Encerramento do 7º Batch de Aceleração da Evoa Aceleradora, de Maringá. O programa reuniu startups de todo o Brasil. que estiveram juntas nesta quinta-feira, 7, para o último dia do ciclo. Foto: Equipe GMC Online.


Neste ano, inscreveram-se para o programa de aceleração startups de 31 cidades e 13 estados, sendo que 11 concluíram o ciclo. Juntas, as empresas faturaram R$ 309 mil e conquistaram mais de 90 clientes em três meses. Em média, os negócios cresceram 30% no período. Também ampliaram as equipes, com quatro contratações, quatro freelances e dois licenciados. Além disso, uma das participantes recebeu investimento e sete estão em processo de negociação para captar recursos.

Os negócios paranaenses que finalizaram o programa são de Maringá (que teve a participação de sete startups), Curitiba e Cascavel. As outras startups que completaram o desafio são do Rio de Janeiro (RJ), Recife (PE) e Natal (RN).

As etapas do programa foram realizadas online e duraram três meses. Depois de diagnóstico personalizado, os negócios receberam mais de 80 horas de mentorias, 100 horas de acompanhamento e outras orientações, fizeram mais de 100 conexões e contaram com a presença de 13 fundos de investimentos no Pitch Day, quando puderam apresentar seus negócios para potenciais investidores.

Mais faturamento

A administradora e CEO Camila Gonçalves, da CuideMe.care, de Maringá, foi uma das participantes dessa edição e já está colhendo frutos do aprendizado. Ela faturou em um mês o que costumava faturar em cinco meses, por conta da participação no programa de aceleração da Evoa. “Mas além do crescimento financeiro, resolvemos questões de desenvolvimento, negociamos com grandes players do mercado projetos exclusivos com nosso produto e ainda apresentamos nossa ideia para alguns investidores potenciais. Essa abertura não tem preço para quem está iniciando”, diz.

Administradora e CEO Camila Gonçalves, da CuideMe.care, de Maringá. Foto: Arquivo pessoal.

Com foco em monitoramento remoto de dados de saúde, a empresa nasceu em 2020, mas teve o lançamento comercial efetivo neste ano. O atendimento é feito em todo o território brasileiro, e há possibilidade de expandir para fora do país. Camila conta que resolveram participar porque o ecossistema de startups é bastante dinâmico, e estar em um ambiente em que seja possível trocar com outras startups e pessoas do ecossistemas agrega bastante no crescimento e andamento da empresa. “Optamos por participar para estarmos presente nesse ecossistema, realizando muito network e atualizar nossos conhecimentos o tempo todo”.

“Foi maravilhoso. O projeto andou significativamente, pois existe bastante troca e todo o suporte da Evoa contribui para essa agilidade na solução de problemas que encontramos pelo caminho, assim como nos ajuda a acelerar todo o processo inicial da empresa”.

Ela destaca que o suporte é o principal diferencial do programa.

“Eles nos estimulam o tempo todo a seguir em frente, nos ajudam a encontrar caminhos diferentes para cada questão encontrada, facilitam e aproximam contatos com investidores e especialistas nas áreas que estamos com dificuldades. Fez toda diferença para a gente”.


Ela avalia que quando uma empresa participa de programas como esse, os clientes ganham em melhoria de produto, processos de atendimento e qualidade do serviço prestado. “E na oportunidade de receber o melhor que podemos oferecer, com um excelente custo benefício, estudado e testado incansavelmente, com foco na melhor experiência do nosso cliente”, acrescenta.

‘Conseguimos reavaliar nosso modelo de negócio’

O CEO da Tidmo, empresa de marketplace de Natal (RE), Lucas Mateus Dantas Maia, resolveu participar do Bacth de aceleração para buscar investimentos. Há três anos e seis meses no mercado, a empresa tem foco em intermediação para contratação de diarista e aplicativo para profissionalização de diaristas. “O edital da EVOA se mostrava interessante para participação. “Foi muito interessante. Conseguimos reavaliar nosso modelo de negócio. Por ser de outra região e ecossistema diferente do da Tidmo, se torna interessante pois conseguimos no inserir em outra região, dentro do ecossistema de inovação”, avalia.

CEO da Tidmo, empresa de marketplace de Natal (RE), Lucas Mateus Dantas Maia. Foto: Arquivo pessoal.

Nickolas Kretzmann, consultor do Sebrae Paraná, parceiro da Evoa e correalizador do programa de aceleração, considera relevante a participação de startups de outros municípios e estados. “Teremos a presença de startups de outras regiões conhecendo nosso ecossistema, levando essa experiência e o nome de Maringá na bagagem, o que atrairá olhares de outros ecossistemas e elevará nosso potencial competitivo”, ressalta.

O Programa de Aceleração

Conhecido também como “ Batch de Aceleração” é um programa de aceleração, conexão e preparação de startups, que possuam soluções inovadoras que têm potencial de escalabilidade. O programa tem duração de onze semanas e é direcionado para startups que estão na fase de operação e tração.

A a gerente de aceleração da Evoa, Carolina Rebelo, destaca que nas sete edições já realizadas 60 startups foram aceleradas. Ela explica que o programa foi híbrido no primeiro semestre de 2021 e de forma totalmente online a partir do segundo semestre de 2021. Essa foi a segunda edição realizada de forma totalmente online, o que possibilitou alcançar startups de todo o Brasil. “Durante esta intensa jornada, nossos empreendedores passaram por diversos conteúdos, conexão com potenciais clientes, mentores e outras startups do nosso ecossistema de inovação, validação das hipóteses, e teve até mudanças de modelos de negócios e do comportamento dos empreendedores para que estejam mais preparados para o crescimento de seu negócio”.

O grande diferencial da EVOA em relação ao outras aceleradoras, é que o Batch de Aceleração é totalmente gratuito e o melhor não ficamos com uma parte da startup, ou seja, é 100% sem equity também. E durante todo o programa conectar estas startups com mentores, empreendedores, potenciais clientes e investidores.

Ela destaca que o termo inovação tem sido muito utilizado dentro das empresas atualmente, e que a inovação está no dia a dia e em todas as áreas das empresas, uma vez que é realizar de forma diferente algum produto, serviço ou até mesmo processo e que irá otimizar tempo e dinheiro de cada colaborador e da empresa como um todo. “Dentro disso, vemos um movimento muito grande de trazer essa cultura presente não só em startups, mas também em médias e grandes corporações, como empresas que já atuamos com outros programas”.

Próximo Batch

O próximo Batch começará no início de setembro e as inscrições abrirão ainda neste mês. As informações serão divulgadas nas redes sociais.
Instagram: @evoaaceleradora
Para mais informações sobre a Evoa e o programa de aceleração, clique aqui.

Investing Day

O evento será realizado pelo Sebrae Paraná e Sicoob em 1 e 2 de setembro, com o objetivo de potencializar a agenda de investimentos em negócios inovadores e startups. Neste ano, o Investing Day foi planejado para mais de 500 pessoas e ocupará tanto o espaço do Mercadão Fratello como o do Mercadão de Maringá, com uma série de atividades que ocorrerão de forma simultânea para startups em quaisquer níveis de maturidade, ou seja, desde as que ainda estão no campo das ideias àquelas que já estão faturando ou em escala, além de investidores e outros interessados.

Pauta do Leitor

Aconteceu algo e quer compartilhar?
Envie para nós!

WhatsApp da Redação