Fale conosco
  • Ouça agora

    Maringá FM

    As mais tocadas da Maringá FM

  • Ouça agora

    CBN Maringá

    As mais tocadas da CBN Maringá

  • Ouça agora

    Mix FM Maringá

    As mais tocadas da Mix FM Maringá

  • Ouça agora

    CBN Cascavel

    As mais tocadas da CBN Cascavel

Portal GMC Online

Agora em Maringá

Ver próximos dias

Maringá

Imprudência é a principal causa de acidentes fatais em Maringá

Pesquisa realizada pelo Projeto Vida no Trânsito mostra que a imprudência é a principal causa de mortes no trânsito maringaense. O estudo apontou que todos pedestres envolvidos em acidentes fatais em 2018, na cidade, transitavam fora da faixa ou com o semáforo de pedestre vermelho. A pequisa  também indicou que no mesmo ano, das oito mortes com ciclistas, todos não utilizavam capacete, e todas as vítimas com automóveis não utilizavam cinto de segurança.

O trabalho reúne informações do sistema do governo do estado para identificar os fatores e condutas de risco dos acidentes fatais na área urbana de Maringá. Participam da comissão de análise de dados a Secretaria de Mobilidade Urbana (Semob), Secretaria de Saúde, Secretaria do Estado de Saúde, Polícia Militar, Corpo de Bombeiros e Serviço de Atendimento Móvel de Urgência (Samu).

Em 2018 foram registrados 6.467 acidentes, resultando em 43 mortes com os seguintes meios de transporte: motocicleta (23), bicicleta (8), automóvel (4) e 9 pedestres. A maioria dos acidentes (28) ocorreram de quinta e sábado, principalmente no período noturno (12).

Além da atitude imprudente do pedestre, estão entre os principais fatores para os acidentes fatais por parte dos condutores, a velocidade dos veículos e a conversão e cruzamento de vias sem observar a preferência. Das 23 vítimas com motocicletas, 18 tinham de 20 a 39 anos. Já das 9 vítimas pedestres, 4 tinham 70 anos ou mais.

O integrante da comissão do Projeto Vida no Trânsito e gerente de Educação de Trânsito da Semob, Rafael Martins, ressalta que a análise de dados é fundamental para o desenvolvimento de ações preventivas.

“Medidas balizadas com dados concretos já surtem efeito. No ano passado após a intensificação de campanhas para idosos houve uma redução considerável de acidentes fatais com essas vítimas”, explica.

O Projeto é uma iniciativa brasileira voltada para a vigilância e prevenção de lesões e mortes no trânsito e promoção da saúde, em resposta aos desafios da Organização das Nações Unidas (ONU) para a Década de Ações pela Segurança no Trânsito 2011 – 2020.

Tem como foco das ações a intervenção em dois fatores de risco priorizados no Brasil: dirigir após o consumo de bebida alcoólica e velocidade excessiva e/ou inadequada, além de outros fatores ou grupos de vítimas identificados localmente a partir das análises dos dados, notadamente acidentes de transporte terrestre envolvendo motociclistas.

O “Vida no Trânsito” é coordenado pelo Ministério da Saúde, em uma articulação interministerial e parceria com a Organização Pan Americana da Saúde (Opas). Em Maringá, além dos órgãos da comissão de análise de dados o projeto conta com a participação da Secretaria de Educação (Seduc), Núcleo Regional de Educação, Departamento de Estradas e Rodagens (DER) e Universidade Estadual de Maringá (UEM).

Por assessoria de imprensa da Prefeitura de Maringá

As mais lidas agora

Pagamento de até R$ 500 do FGTS para trabalhadores começa nesta sexta

O pagamento de até R$ 500 por conta do Fundo de Garantia do Tempo de Serviço (FGTS) começa nesta sexta-feira (27) para os trabalhadores nascidos em maio, junho, julho e agosto com poupança ou conta-corrente na Caixa Econômica Federal. A Caixa Econômica Federal iniciou neste mês o depósito automático para quem tem poupança, seguindo calendário […]

Pagamento de até R$ 500 do FGTS para trabalhadores começa nesta sexta

O pagamento de até R$ 500 por conta do Fundo de Garantia do Tempo de Serviço (FGTS) começa nesta sexta-feira (27) para os trabalhadores nascidos em maio, junho, julho e agosto com poupança ou conta-corrente na Caixa Econômica Federal. A Caixa Econômica Federal iniciou neste mês o depósito automático para quem tem poupança, seguindo calendário […]


Maringá